Removendo partições de Discos no Windows ou mesmo no Pen Drive com tipos GPT ou outro qualquer

How to delete GPT Protective Partition In Windows XP Professional, if you cannot access or modify GPT disk, you can convert a GPT disk to MBR by using the clean command in DiskPart, which will remove all data and partition structures from the disk. 1. You might see S2VR HD 5 Drives in GPT status. 2. Go to DOS command line (click on “Start Menu”, then “Run”, type in “cmd” in textbox, and hit “OK”) Type in “DiskPart” in command line. Type in “list disk” in command line to show all disks in this machine. Use “select” to set the focus to the specified partition. For example “select disk 1″. Use “clean” command to remove GPT disk from the current in-focus disk by zeroing sectors. 3. Go back to Disk Management, you can see all S2VR HD disks are “unallocated” now. Right click on disk info, choose “Initialize Disk”. 4. Choose all drives in S2VR HD and initialize them.

Posted in Windows | Leave a comment

automount usb usando samba – Linux

Ambiente utilizado: Ubuntu 8.04 LTS + Samba3.0.28a

Antes de tudo precisamos fixar a montagem do mesmo no fstab independente do HD usb estar ligado ou não ao computador. Ex. arquivo Fstab.

UUID=886CC5236CC50CCE                     /mnt/usb ntfs    defaults 0 0

Em seguida colocamos no smb.conf a seguinte linha

[usb]
comment = Pasta Documentos Tecnicos
path    = /mnt/usb
browseable = yes
writable   = yes
#  valid users = @fcacomputers
#  force group = fcacomputers
force create mode = 2770
force directory mode = 2
root preexec = mount -a
root postexec = umount /mnt/usb

Pronto. Todas as vezes que tentar acessar a pasta usb via Samba, independente de estar ou não montado ele irá montar o volume…. Se o USB estiver ligado ao equipamento  é  CLARO!!!!

Valew

Posted in LINUX | Leave a comment

Mudando timezone / Locale no linux simples e rapido

Para alterar o locale no seu Linux e faze-lo funcionar corretamente com ntp é muito simples.

1 – Renomeie o arquivo /etc/localtime para /etc/localtime.old -> mv /etc/localtime /etc/localtime.old

2 – faça um ln do localtime desejado para o diretório etc com o nome localtime.

ex:

    $ ln -s /usr/share/zoneinfo/America/Sao_Paulo /etc/localtime
Posted in LINUX | Leave a comment

Recuperando Password pelo Grub

Após dar boot entre no menu Grub. Cada distribuição tem uma forma. No caso do Ubuntu, pressione “ESC”.

Dentro do menu, escolha Recovery Mode (normalmente 2 opção) pressionando “e”.

Seremos levados a outro menu grub com algumas opções….

Escolha a linha do kernel init (linha responssável pelo Boot) pressionando “e” novamente.

No fim da linha existe o comando ro (read only) deverá ser trocado por rw

em seguida no fim da linha adicionar o  comando “init=/bin/bash” pressionar Enter para confirmar a mudança da linha e “B” para o Boot.

Você será levado ao # como root.

Agora é facil!! apenas digite #passwd <novasenha>

Reinicie o servidor.

Ps. Todo este processo só pode ser feito de forma local!

Valew!

Posted in LINUX | Leave a comment

Impressoras no TS – Microsoft Terminal Service

Algumas vezes quando utilizamos TS (principalmente entre Sistemas se versões diferentes), temos problemas de não conseguir visualizar as impressoras da sessão ou seja: – Apesar de compartilharmos os recursos de impressão tanto no servidor quanto na estação (client), a maledeta da impressora não é listada nos dispositivos de impressão do server.

Esse problema é bem simples de resolver!!!!

Basta instalar os drivers da impressora no servidor e depois apaga-las (as impressoras). Fazendo isso os drivers já vão estar à disposição para listar a(s) impressora(s) na proxima conecxão!!!

Valew.

Posted in Windows | Leave a comment

Manter msgs no Google Apps para receber em 2 ou mais computadores

Pessoal é bem simples confirar a conta do google para que uma pessoa possa receber os mesmos e-mails tanto em seu notebook quanto em seu micro do escritório o casa….

Para isso basta colocar na configuração da conta da pessoa a palavra recente:pessoa@googledomain.com.br

Simples assim!!

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Emails repetidos no Outlook Express

Outlook Express
Pode ser o arquivo do protocolo POP3.
Talvez ajude.
Posted in Windows | Leave a comment

Zimbra + OpenVZ

Zimbra OCS on a OpenVZ VPS Server

I recently went and brought a VPS from burst.net  Basic specs are 2x 2500Mhz CPU cores, 2.5gb guaranteed memory (no burstable).

This should be more then enough I though to run Zimbra OCS after all I have it up and running in a Test VM running on ESXi with only 1gb of memory and 1 cpu core.

What I did not release is that when a Java server process starts up, you can define how much memory it grabs and what size of memory chunks it asks for. Out of the box install of Zimbra optimise’s it self for the total amount of system memory in my case 2.5gb. So when the ZImbra  application stack goes to start on my OpenVZ VPS it comes up with an fail ” Can not create Java Virtual machine, out of memory”

Out of memory wtf!
The Java stack expects to be able to grab a contiguous chunk of memory, in my case 1.5gb. Because of the underlying OpenVZ and the way it handles memory its not possible for a OpenVZ VPS instance to have a contiguous block of memory.
Hence why the JVM was crashing, Originally it was asking for 3x 512mb blocks of contiguous memory.
My VPS could not do this, you could edit the OpenVZ settings to allow bigger “chunks” of memory to be offered up. Since I have no control over this I had to tell Java to ask for more lots of smaller chunks of memory.

If your trying to get around the errors. Do the following.
Commands to type are in italics

1) Install Zimbra but do not start any of the services and or application stack after configuration.

2) Change to the zimbra user and  enter the following commands.
# su – zimbra
# zmlocalconfig -e mailboxd_java_options=”-server -Djava.awt.headless=true -XX:+UseConcMarkSweepGC -XX:NewRatio=2 -XX:PermSize=128m \
-XX:MaxPermSize=128m -XX:SoftRefLRUPolicyMSPerMB=1 -Xms128m -Xmx128m”

# zmlocalconfig -e tomcat_java_heap_memory_percent=5
# zmlocalconfig -e zmmtaconfig_interval=3600
# zmlocalconfig -e zmstat_interval=300
# zmlocalconfig -e mailboxd_java_heap_memory_percent=5
# zmlocalconfig -e mailboxd_java_heap_new_size_percent=5
# zmlocalconfig -e ldap_common_threads=16
# zmlocalconfig -e ldap_common_toolthreads=8
# zmlocalconfig -e ldap_db_cachesize=50000
# zmlocalconfig -e ldap_db_idlcachesize=50000
# zmlocalconfig -e ldap_db_dncachesize=0
# zmlocalconfig -e zimbra_zmjava_options=”-Xms128m -Xmx128m”

# zmprov mcf zimbraMessageCacheSize 5000

3)
Now we need to tune some of the non Zimbra apps, Change back to the root user for this.
Edit the following files
# nano /opt/zimbra/conf/amavisd.conf.in
Edit the folowing
“$max_servers =10″ and set it to “$max_servers =2″

nano /opt/zimbra/conf/my.cnf
Edit/add the following
“innodb_buffer_pool_size =” to “innodb_buffer_pool_size = 144245094″
“thread_cache = ” to “thread_cache = 5″
“max_connections   = ” to “max_connections   = 15″

I’ve now got Zimbra OCS up and running in a VPS. So far its been very stable and preforms quite fine for my work load.

References for the above :-
http://wiki.zimbra.com/index.php?title=Making_Zimbra_run_on_minimal_RAM
http://wiki.zimbra.com/wiki/CLI_zmlocalconfig_%28Local_Configuration%29
http://www.zimbra.com/docs/ne/latest/administration_guide/zmlocalconfig.html
http://docs.sun.com/source/817-2180-10/pt_chap5.html

 

Extracted by http://lpig.wordpress.com/2010/07/11/zimbra-ocs-on-a-openvz-vps-server/

 

Posted in LINUX | Leave a comment

Melhorando desemenho de copiar arquivos no W7

Entre no command em módo administrador

execute o comando abaixo…..

netsh int tcp set global autotuninglevel=disabled

Após o ok.

Reinicie o micro!!

Posted in Windows | Leave a comment

DESBLOQUEIO DE SENHA DO OUTLOOK PARA GOOGLE APPS

DESBLOQUEIO DE EMAIL

Você esta usando o outlook (ou outro programa) para ler seus emails e ele fica pedindo sua senha e não consegue baixar os novos emails? Se o seu usuário e senha estão corretos tente os passos abaixo para resolver o problema.

Este procedimento será necessário todas as vezes em que você tentar acessar sua conta de email pelo webmail ou usando um cliente de email tipo o Outlook (ou outro) e errar a senha por 3 vezes. Isto faz com que o Google Apps, por medida de segurança, bloqueie o serviço até que você execute os passos explicados abaixo.

OBS: onde aparecer seudominio.com.br substitua pelo seu domínio correspondente.

  • Pare todos os clientes que você esta usando para ler seus emails. Se você tem um em casa e outro no escritório pare os dois.
  • No computador onde você esta tendo problema acesse o seguinte endereço no seu browser/navegador:

    http://www.google.com/a/seudomínio.com.br/UnlockCaptcha

  • No campo Nome de usuário informe sua conta, sem a parte do domínio. Ex.: se seu email é contato@seudominio.com.br informe “contato”. No campo Senha digite a senha correta desta conta e depois digite as letras distorcidas (captcha).
  • Clique no botão Desbloquear(Unlock). Depois é só reiniciar o Outlook (ou outro) e ler seus emails.

Caso mesmo assim continue pedindo senha, acesse o webmail pelo endereço:

http://mail.seudominio.com.br

ou

http://mail.google.com/a/seudominio.com.br

Após acessar o webmail clique na opção “Configurações” e depois na opção “Encaminhamento e POP/IMAP“. Em seguide verifique se no ítem “1.Status” aparece “O pop está ativado…”. Caso não esteja ativado selecione a opção “Ativar POP para todos os e-mails” e clique no botão “Salvar alterações”.

Posted in Windows | Leave a comment